TOP 5 - Livros mais desejados


Olá, leitores!

Que chuva é essa de tanto livro bom sendo lançado?! São tantos títulos ótimos sendo lançados que eu só fico babando, querendo todos! Sendo assim, decidi fazer um TOP 5, dos livros que eu mais estou desejando. Vamos conferir?!

Quem é você, Alasca? 
Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras — e está cansado de sua vidinha segura e sem graça em casa. Vai para uma nova escola à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o “Grande Talvez”. Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young. Inteligente, engraçada, problemática e extremamente sensual, Alasca levará Miles para o seu labirinto e o catapultará em direção ao Grande Talvez. Quem é você, Alasca? narra de forma brilhante o impacto indelével que uma vida pode ter sobre outra. Este livro incrível marca a chegada de John Green como uma voz importante na ficção contemporânea.


O Teorema Katherine 
Após seu mais recente e traumático pé na bunda - o décimo nono de sua ainda jovem vida, todos perpetrados por namoradas de nome Katherine - Colin Singleton resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e o melhor amigo no carona, o ex-criança prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar o fora, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, através da linguagem universal da matemática, o desfecho de qualquer relacionamento antes mesmo que as duas pessoas se conheçam. Uma descoberta que vai entrar para a história, vai vingar séculos de injusta vantagem entre Terminantes e Terminados e, enfim, elevará Colin Singleton diretamente ao distinto posto de gênio da humanidade. Também, é claro, vai ajudá-lo a reconquistar sua garota. Ou, pelo menos, é isso o que ele espera. 
Sábados Inquietos
Apesar de seus inúmeros textos sobre literatura, José Castello não se considera um crítico literário, mas sim apenas um ávido leitor comum que sofre e viaja com os livros, por isso “Sábados Inquietos” é composto por leituras críticas que lhe tiram o sono. Formado em jornalismo, José Castello já apresentou textos que perpassaram por autores como Machado de Assis, Hilda Hilst, Lewis Carroll, Clarice Lispector, Vinicius de Moraes, Kafka e muitos outros. A editora LeYa lança em março “Sábados Inquietos” do colunista José Castello do jornal O Globo. Com um compêndio de suas principais críticas, a obra fala sobre “a arte como expressão da loucura ou (...) como opção pela loucura”, sobre o que é literatura, sobre crônicas, sobre palavras e sobre a leitura que nada mais é do que “errar, vacilar e fugir”. Sempre guiado por seus impulsos, intuições e conhecimentos literários, as críticas de Castello são publicadas aos sábados e possuem um leque de personagens e histórias sobre a literatura e seus principais expoentes. Sendo um dos jurados do Prêmio LeYa e ganhador de diversos prêmios, entre eles o Jabuti pelo romance “Ribamar “ (Bertrand Brasil, 2010), Castello nos oferece um texto tocante e singelo. “Sábados Inquietos”, a coluna agora transformada em livro, vai te mostrar a real literatura, de um leitor para outro.

A Seleção
Para trinta e cinco garotas, a “Seleção” é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China, e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças entre dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha.Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes.Então America conhece pessoalmente o príncipe. Bondoso, educado, engraçado e muito, muito charmoso, Maxon não é nada do que se poderia esperar. Eles formam uma aliança, e, aos poucos, America começa a refletir sobre tudo o que tinha planejado para si mesma — e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que ela nunca tinha ousado imaginar. 
O Lado Bom da Vida
 Pat Peoples, um ex-professor na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um "tempo separados". Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, a esposa negando-se a aceitar revê-lo e os amigos evitando comentar o que aconteceu antes da internação, Pat, agora viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida. Uma história comovente e encantadora, de um homem que não desiste da felicidade, do amor e de ter esperança.

Já leu algum desses livros? Se sim, o que achou? Comente!

0 comentários:

Postar um comentário